julho 24, 2012

android

android
Divertido de fazer, ainda mais divertido de fotografar.
Instruções originais, que não segui à risca porque não gosto de fazer o que me mandam, aqui. No fundo, no fundo, devo ser anarquista.

julho 17, 2012

quando não se sabe dizer não

Lembram-se da mesa? De há uns tempos para cá tem estado assim:
mesa
mesa
mesa
Tem tudo para correr mal, mas aos poucos lá vou tentando compatibilizar a maternidade com a profissão.
E não arrumei a máquina de costura, não! Só mudou de poiso por uns tempos :-)

julho 04, 2012

nova vida

Inspirei-me na Virgínia para transformar um fôfo, que já não servia, num top, que ainda há de servir muito.

antes durante depois
É verdade: no poupar é que está o ganho.

junho 24, 2012

Hoya carnosa

Está na família há pelo menos uns 40 anos. Cá em casa dá muitas flores várias vezes durante o Verão, mas as poucas folhas que tem são mirradas e amareladas. Em casa dos meus pais dá umas folhas verde-escuras lindas, mas nunca floriu. Em casa da minha avó era perfeita.
Hoya carnosa
Hoya carnosa
Hoya carnosa
<i>Hoya carnosa</i>
Repararam no título? Sempre que possível, o nome científico das espécies deve ser escrito assim: em itálico, com a primeira palavra (o nome do género) com letra maiúscula, e a segunda (o restritivo específico) com letra minúscula. As regras da nomenclatura científica dos seres vivos obdecem a um código muito rigoroso, que é constantemente maltratado pela imprensa, pelos fabricantes de champôs e cosméticos, pelos embaladores de pescado, etc. Escrever Hoya carnosa, Hoya Carnosa ou hoya carnosa é como dar erros ortográficos. Feio.

junho 22, 2012

wip

wip
Tão cedo não volto a adormecer no sofá :-)

junho 14, 2012

o lençol

Agora fazia um brilharete e ficava com os louros deste magnífico lençol, mas seria mentira. Foi bordado para a cama da Maria pela sua mãe Catarina, e agora quem dorme tão bem acompanhada é a minha Catarina.
lençol
Há outro, igualmente lindo. Quando mudar a cama tiro uma fotografia. A bem dizer troco sempre um pelo outro. Os lençóis comprados na Zara Home que me perdõem mas não lhes chegam aos calcanhares.

bordado

junho 11, 2012

dar corda aos sapatos

Despojos de uma manhã de domingo, em Paris.
Paris Paris Paris Paris

junho 05, 2012

bolo de maçã e canela

apple and cinnamon cake
A receita é a mesma do bolo de hortelã, apenas substituí a infusão de hortelã por uma infusão feita com uma colher de sopa de canela em pó e não coloquei as folhas de hortelã picadas.
naperon
É igualmente bom e suspeito que deve saber muito bem no Inverno, acompanhado de chá de maçã e canela.

maio 31, 2012

nem mais um pingo

drop stop
Acabaram as nódoas de azeite nos armários e as de groselha no frigorífico.

drop stop

maio 29, 2012

bolo de hortelã

Inspirei-me nesta receita para aproveitar uma generosa oferta de hortelã.
bolo de hortelã
1/2 chávena de folhas de hortelã + 1 chávena de água para a infusão + 2 chávenas de açúcar + 1/2 chávena de azeite + 1 maçã grande (usei maçã starking) + 3 ovos + 2 colheres de sopa de hortelã picada + 3 chávenas de farinha + 1 colher de chá bem cheia de fermento em pó

bolo de hortelã
Fazer uma infusão muito forte com a 1/2 chávena de hortelã e a água e deixar arrefecer um pouco. Descaroçar a maçã. Num copo liquidificador juntar a infusão e respectivas folhas de hortelã e todos os restantes ingredientes com excepção da farinha e do fermento. Verter para uma taça e incorporar agora a farinha e o fermento. Levar ao forno pré-aquecido a 200ºC, em forma untada e polvilhada com farinha. Passados 15' reduzir para os 160ºC e deixar cozinhar mais cerca de 40'.

naperon
É bem capaz de ser o meu novo bolo favorito.

maio 27, 2012

sortear

Os botões vão a caminho da Noruega. Parabéns ao número 51, 2ne!
sortear
sortear
O C. participou alegremente no sorteio, contente por ver alguns botões de saída desta casa :-)

maio 23, 2012

giveaway week

Giveaway

Estamos a meio da Giveaway Week do Sew, Mama, Sew! Se tiverem paciência para isso, há por lá centenas de blogs para descobrir e com óptimas ofertas. Como me candidatei a duas ou três coisas, achei por bem retribuir e vou sortear esta caixinha de tecido com mais de 150 botões vintage. Qualquer pessoa pode participar, só tem de deixar um comentário até ao fim do dia 25 de Maio. No dia 27 anunciarei aqui o vencedor, que também será contactado por e-mail.
Sempre estou para ver se alguém se vai dar ao trabalho de traduzir esta mensagem... ;-)

*Update* : The winner was 2ne!
Thanks to all 111 of you who entered this giveaway, specially to those of you that actually did translate :-) Google translate is far from perfect but I guess it was good enough to understand the basics.

maio 22, 2012

tarte de ruibarbo e morangos

Vi ruibarbo à venda por cá pela primeira vez e lá o comprei sem fazer a mínima ideia de como se cozinhava ou ao que sabia. Depois de uma vista de olhos pelas receitas da Martha Stewart e de pensar "não tenho vagar para isto", decidi inventar a minha própria receita.
ruibarbo e morango
Massa: 200g de farinha para bolos + 150g de manteiga sem sal + 1 cálice de vinho do Porto
Levar tudo ao lume e mexer até formar uma bola. Forrar a tarteira com esta massa. É surpreendentemente fácil.

Recheio: 10 talos de ruibarbo + 500g de morangos + 100g de açúcar + 1 colher de chá de maizena
Cortar o ruibarbo em pedacinhos de cerca de 3 cm e os morangos em quartos. Fazer uma compota ligeira levando ao lume o açúcar com os morangos e o ruibarbo durante cerca de 5 minutos. Dissolver a maizena num pouco de água e adicionar. Deixar cozer mais 5 minutos, mexendo sempre.

Colocar o recheio sobre a massa e levar ao forno durante 40 minutos ou até a massa ficar dourada.
tarte de ruibarbo e morango
Ficou uma maravilha, o C. que vos diga!

crochet

maio 20, 2012

bloco #5

A Catarina já fez 10 meses, o que significa que gatinha por todo o lado, isto quando não se põe em pé e anda agarrada aos móveis, o que por sua vez significa que eu ando sempre atrás dela, o que significa que não estou sentada a costurar quase nunca, o que significa que ainda vou a meio de Março no curso.
bloco #5

maio 17, 2012

canelas em lançadeira

A minha avó chamava-lhes canelas, mas também já tenho ouvido dizer bobine ou bobina. Não me agrada nada enchê-las, pelo que prefiro tê-las sempre preparadas para não ser interrompida a meio de uma costura. Como não preciso de tantas que justifiquem a compra das caixas com divisórias, arranjei esta solução para as guardar.
bobines
Lançadeira de tear comprada na Feira da Ladra + pausinho de espetadas.
Gostam? Como guardam as vossas?

maio 05, 2012

a imagem também conta

No Quarto de Mudança há boas dicas para melhorar a qualidade das fotografias nos nossos blogues. Experimentei muito por alto estas. Mesmo não tendo usado o tripé, nem a máquina no modo manual e nem sequer folhas grandes de cartolina, consegui obter um fundo que, não sendo propriamente branco, é uniforme.
gift
As modelos são novas versões das caixas de tecido.
fabric box

abril 18, 2012

Farrusquinho

Era uma noite sufocante de Julho. Vivia em Aveiro, num 2.º andar virado para a Ria. O calor não me deixava dormir e havia um gato na rua que miava sem parar. Vira para um lado, vira para o outro e as horas iam passando. Mal raiou o dia, decidi que já não aguentava mais e desci à rua com um prato de comida de gato e outro com água. Os miados não paravam mas não via o gato em lado nenhum. De repente olho para dentro da Ria e lá estava ele: uma coisinha minúscula, num buraco na parede do canal, com a água já pelo pescoço. Entrei em pânico. Atirar-me à água não era opção e não havia ninguém à vista. De repente lembrei-me que ao virar da esquina vivia um pescador. Corri para lá e desatei a bater à porta a pedir ajuda. Eram umas 6h da manhã... O sr. lá me veio perguntar o que se passava e eu pedi-lhe ajuda para ir salvar o gatito. Olhou para mim como se eu fosse doida mas lá acedeu, meteu-se no barco e tirou o bichinho de dentro de água. Levei aquela coisinha escura a tremer de frio para casa. Dei-lhe um banho e por baixo de várias camadas de lama e pulgas apareceu um pêlo branco, lindo e macio.
peru443
Ainda o tentei dar, mas ninguém o quis. Depois o Carlos chegou de fim-de-semana - na altura já trabalhava em Lisboa há uns anos - e apaixonou-se por ele. A Mia recebeu-o muito mal, mas aos poucos lá se habituou. Era o mais meigo dos gatos, o que lhe valeu inumeras ameaças de rapto por parte da família e amigos. Mas nunca teve muita saúde. Fomos dele só até ontem.
DSC_0234
A casa está vazia. Vamos ter muitas saudades e tenho a certeza que falaremos dele durante muitos e muitos anos.
DSC_1748

abril 16, 2012

Paris tem

belas caminhadas,
vista
marchés aux puces,
Puces de Vanves
steak tartare,
steak tartare
flores por todo o lado,
Flores
bolos deliciosos,
bolos
e teve-nos novamente
3
mas desta vez eramos três :-)

abril 10, 2012

caixas de sementes

seed boxes
Basei-me neste tutorial da Sandra para fazer umas caixinhas para oferecer com sementes. Não parece, pois não? Mas é verdade.

......

Já experimentaram as novas funcionalidades do Picasa? Aqui fica uma amostra: